O Fio Vermelho

História chinesa

Os chineses antigos acreditavam que todas as pessoas nasciam com um fio vermelho invisível que as ligava à sua alma gêmea.

Um imperador daquela época ficou sabendo que em uma província do seu reino vivia uma velha bruxa que conseguia enxergar esse fio e assim, dizer às pessoas quem era a sua cara metade.

O imperador mandou buscar a bruxa para que ela o levasse ao encontro da mulher que deveria ser sua esposa. A bruxa aceitou o seu pedido e começou a seguir o fio.

Depois de muito andar a bruxa chegou ao mercado da cidade e encontrou uma camponesa que oferecia os seus produtos. A bruxa chamou o imperador e falou:

– Aqui termina o seu fio.

O imperador ficou muito bravo com ela, acreditando que a mulher estivesse debochando dele ao apresentar como sua alma gêmea uma camponesa.

Indignado, o imperador ordenou que a bruxa fosse presa nos calabouços de seu palácio.

Anos depois, sem ainda ter se casado, o imperador recebeu a recomendação de que ele se casasse com a filha de um importante general que havia feito o seu reino ganhar a guerra.

O imperador aceitou a recomendação do casamento, mas ele somente veria a esposa no dia do casamento.

No grande dia, a moça entrou no templo vestindo um véu que cobria o seu rosto, quando ela chegou à sua frente e levantou o véu, ele pode ver a camponesa indicada pela bruxa, mostrando que a mulher estava certa.

Ele então libertou a velha senhora e se desculpou pelo que havia feito.

***

Clique aqui para ler a história A intriga da gata

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *