A sopa de lágrimas

Autor desconhecido

Certa vez, uma mulher estava muito brava com seu marido e resolveu se vingar dele servindo uma sopa muito quente para que ele queimasse a boca.

Geralmente ela deixava a sopa esfriar antes de servir, mas desta vez queria vê-lo sofrer.

Ela colocou uma tigela de sopa escaldante na frente do marido e outra tigela para ela mesma.

Então começou a observá-lo.

O homem, imediatamente, tomou uma colherada da sopa. Como estava muito quente ele só abaixou a cabeça e lágrimas caíram de seus olhos.

A mulher, fingindo inocência falou:

– Por que está chorando, querido?

– Nada demais, só me lembrei de minha mãe, ela gostava dessa sopa – falou o homem, não querendo dar o braço a torcer e demonstrar seu sofrimento.

A mulher, satisfeita com a vingança, esqueceu que sua sopa também estava quente e tomou uma colherada, que também queimou sua boca fazendo-a ir às lágrimas.

– O homem percebendo a situação, falou:

– E você, querida, por que está chorando?

Ainda sofrendo pela queimadura a mulher respondeu:

– Eu me lembrei de minha querida sogra.

Conselho de vó: A vingança sempre faz mal às duas partes envolvidas. Perdoar é sempre um melhor negócio.

***

Ajude esse site a se manter no ar

Clique aqui para ler a história A águia e a galinha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.