Os sapos e o poço

Fábula de autor desconhecido

Era uma vez dois sapos que viviam felizes em um pântano, nada faltava para eles lá.

O pântano era repleto de insetos e a água era abundante.

Porém, o local foi assolado por uma seca terrível e depois de meses sem chuva o pântano secou. Os insetos foram embora e os sapos ficaram desesperados sem saber o que fazer.

Resolveram sair à procura de um local para viverem em segurança.

Depois de muito procurarem encontraram um poço, muito profundo, onde da boca era impossível ver o fundo. Eles fecharam os olhos, ficaram escutando e ouviram lá no fundo um barulhinho de água.

– Perfeito, achamos a nossa salvação!!! Vamos pular, cairemos na água e lá poderemos viver felizes – falou um dos sapos.

O outro então respondeu:

– Mas, e se este poço também secar, como sairemos? Não haverá escapatória para nós.

Conselho de vó: Existem caminhos que não têm volta.

***

Clique aqui para ler a história A princesa ervilha

2 comentários em “Os sapos e o poço”

  1. Pingback: A pescaria das mulheres – Histórias que minha avó contava

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *