O veado e suas pernas

Fábula de Esopo

Certa vez, um veado foi matar sua sede em uma fonte cristalina, quando viu seu reflexo nas águas. Ele ficou admirando seus galhos, tão grandes e frondosos quanto uma árvore, e pensou:

“Que ar majestoso eles dão à minha cabeça! Pena que eu tenha pernas tão feias!”

De repente, ouviu o latir de alguns cães se aproximando e, graças às suas pernas, pode correr para se esconder. Porém, na fuga, seus galhos se enroscaram nos ramos de uma árvore deixando-o preso.

“Que tolo que fui, maldisse minhas pernas que me salvaram e exaltei meus galhos que agora me prendem” – pensou ele.

Os cães se aproximaram com o caçador e o veado foi apanhado.

Conselho de vó: precisamos valorizar nossas verdadeiras qualidades.

***

Clique aqui para ler a história Heungbu e Nolbu

1 comentário em “O veado e suas pernas”

  1. Pingback: O brâmane e o pote de farinha – Histórias que minha avó contava

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *