As peças de seda

Autor desconhecido

Certa vez, havia um casal que vivia na roça e trabalhava fazendo sandálias de palha.

Um dia, a mãe pediu ao filho que fosse ao mercado, levasse três pares de sandálias e trocasse por três peças de seda.

O menino foi caminhando, levando as sandálias nas mãos quando passou ao lado de um rio onde uma mulher lavava roupa.

A mulher, assim que viu as sandálias, falou para o menino:

– Me dê essas três sandálias!

– Dar eu não posso, porque minha mãe me pediu para ir ao mercado trocar por três peças de seda.

– Então troque comigo, eu te dou três cebolas e você me dá as três sandálias.

O menino fez a troca e seguiu o seu caminho.

Um pouco mais à frente, ele passou por uma hospedaria e, quando o dono viu o menino carregando as três cebolas, lhe falou:

– Menino, me dê essas cebolas para que eu faça um molho.

– Dar eu não posso, porque preciso trocas as cebolas por três peças de seda.

– Então troque comigo, você me dá as três cebolas e eu te dou um pote do molho pronto.

O menino fez a troca e continuou no seu caminho.

Um pouco à frente, ele passou por um fabricante de espadas que lhe falou:

– Menino, me dê esse molho que estou com vontade de comer com pão.

– Dar eu não posso porque preciso trocar esse molho por três peças de seda.

– Então troque comigo, você me dá o molho e eu te dou uma espada.

O menino fez a troca e continuou seu caminho.

Quando estava quase chegando na cidade, passou por ele uma carroça onde estava a princesa. Assim que ela viu a espada falou:

– Menino, me dê essa espada porque eu a achei muito bonita.

– Dar eu não posso porque preciso trocar por três peças de seda.

– Então troque comigo, eu te dou três peças de seda e você me dá essa espada.

O menino fez a troca e voltou para casa com as três peças de seda que a mãe queria.

***

Ajude esse site a se manter no ar

Clique aqui para ler a história A sopa de pedra

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.