O maior dos milagres

Autor desconhecido

Certa vez, dois discípulos de dois mestres diferentes se encontraram e começaram a conversar quando um deles perguntou:

– Quais milagres o seu mestre é capaz de fazer?

– Por que me pergunta isso?

– Meu mestre é capaz de fazer muitos milagres, certa vez fomos à beira de um rio, ele me falou para ir até à outra margem segurando um papel, ele também segurava um papel e quando ele escreveu em seu papel, as letras apareceram em meu papel, foi incrível. E seu mestre? Ele faz milagres?

– Sim, meu mestre come quando está com fome, dorme quando sente sono, dança quando está feliz, chora quando está triste.

– Mas, isso não é um milagre!!! Qualquer um faz isso.

– Quando meu mestre vai dormir, não fica pensando em mil coisas, ele somente dorme, quando ele come, aprecia a refeição e não deixa que nada o distraia, quando está feliz dança sem pensar em quem está olhando ou como pode ser julgado, quando ele chora tira de dentro de si toda a tristeza pelas lágrimas. Qual o sentido de escrever em um papel de um lado da margem e a escrita aparecer do outro? O maior milagre é viver cada momento intensamente e plenamente.

***

Ajude esse site a se manter no ar

Clique aqui para ler a história A gata e Afrodite

1 comentário em “O maior dos milagres”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.