As mil e uma noites

História de Antoine Galland

Era uma vez um rei que descobriu que sua amada esposa o estava traindo. Ele a amava muito e ficou transtornado com a descoberta. Decidiu que nunca mais amaria mulher alguma e que se vingaria. 

Coberto de fúria ele mandou matar a esposa e, como forma de se vingar de todas as mulheres, passou a se casar todos os dias com uma mulher diferente.  Na manhã seguinte ao casamento mandava matar essa esposa.

Todos do reino ficaram apavorados com a ordem do rei, principalmente todas as famílias em que havia jovens solteiras, já que todos os dias uma delas era levada ao palácio para se casar e ser sacrificada.

Sherazade era uma dessas jovens e era muito inteligente. Seu pai era um comerciante conhecido na cidade e sua família era muito querida.

Certo dia, os guardas do rei apareceram na sua casa para levá-la, seu pai tentou de todas as formas livrá-la, mas foi em vão. Antes de sair ela falou ao pai:

– Não se preocupe pai, vou encontrar uma maneira de salvar minha vida.

Seu pai, mesmo sabendo da inteligência da filha, não acreditou que haveria uma saída e chorou muito por ela.

Naquela noite, depois do casamento, ela foi levada ao quarto do rei. Ela tinha um plano em sua mente e começou a colocá-lo em ação.

– Oh! Majestade, fico muito feliz em ter sido escolhida como sua esposa. Como agradecimento vou lhe dar um presente que você nunca esquecerá.

– Pare de bobagens, todos no reino sabem o que tenho feito com as mulheres com quem me caso, você sabe que amanhã cedo estará morta como todas elas.

– Mesmo assim, meu rei e meu esposo, quero lhe dar este presente.

– Que presente é esse?

– Vou lhe contar uma história, a maior história de aventura que já aconteceu nessa terra, sei que nunca esquecerá.

– Que seja! Comece.

Então Sherazade começou a contar a sua história. O rei foi ficando cada vez mais interessado e emocionado com os acontecimentos que ela narrava. Realmente aquela era uma história incrível. Quando o rei percebeu, o dia já estava amanhecendo e no momento mais emocionante Sherazade falou:

– Meu rei, estou muito cansada, preciso dormir, continuarei essa história na próxima noite.

O rei ficou curiosíssimo para saber o final daqueles acontecimentos, ficou tão curioso que se esqueceu de mandar matá-la, tudo o que ele pensava era em chegar a noite seguinte para ouvir a continuação.

A notícia se espalhou rapidamente, ninguém sabia porque aquela mulher havia sido poupada, mas seu pai na hora que ouviu que a filha estava viva se lembrou do que ela havia falado quando foi levada ao palácio do rei.

Na noite seguinte Sherazade usou do mesmo estratagema e no momento mais emocionante falou:

– Meu rei, estou tão cansada, na próxima noite continuarei a história.

Demorou mil e uma noites para a história chegar ao fim, mas nesse momento o rei já estava completamente apaixonado por ela e ela por ele. Ele teve o seu coração curado e foi muito feliz ao lado dela.

***

Clique aqui para ler a história O jovem e o sábio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *